Não se mede, não se julga. Se acolhe.

Só conseguimos transformar algo que dói se somos capazes de olhar e "pegar no colo", enquanto seguimos negando essa sensação, ela só cresce e nos domina. É preciso reconhecer que ela existe para colocá-la em movimento e deixá-la passar.

Sabe, quando alguém nos conta que está vivenciando um momento difícil e divide as suas questões? É importante escutarmos com atenção antes de darmos uma opinião, falarmos de nossos próprios problemas como sendo "maiores" ou tentarmos "dourar" a situação, como sugere a pesquisadora Brené Brown. Sofrer e sentir dor faz parte da nossa condição humana e mesmo que tentemos fugir ou amenizar a do outro com as nossas próprias, vez ou outra todos passaremos por períodos difíceis. E tudo bem. A questão é o que escolhemos fazer com isso: esconder até que desapareça, comparar com as dores dos outros ou se encaramos de frente.

Vale para quando conversamos ou escutamos alguém, vale para o nosso autocuidado. Como há problemas desumanos e catastróficos no mundo, podemos não validar o que sentimos, já que tem pessoas com questões muito complicadas, mas aí que mora o perigo. Só estaremos inteiros para ajudar, para servir, se cuidamos de nossas feridas.

A dor passa e fica o que aprendemos com ela.

Reveja na sua biografia os momentos que você teve que encarar dores profundas e críticas. Hoje, relembrando-as, quais foram os aprendizados? O que aconteceu na sua vida depois de cada uma dessas dores? O que te ajudou a sair delas?

Quando nos distanciamos dos momentos que foram sofridos, conseguimos ter um olhar mais apurado e apreciar a beleza onde parecia ser só tristeza. Mas meu convite é: se você nesse momento está passando por algo difícil, não tente esconder de você mesmo e entrar na onda do "good vibes only" ou no modo Pollyanna. Encare-o, aprenda com ele para que você saia mais fortalecido e preparado para quando algo parecido vier. Do contrário a vida vai te apresentar repetidamente esse tipo de situação até que você aprenda o que precisa aprender.

Aconselhadora Biográfica & Coach. Apaixonada por desenvolvimento humano, pessoas e suas complexidades. Curiosa por ideias criativas e negócios com alma

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store